Você sabe quais são os principais erros em Business Intelligence (BI) cometidos pelas empresas? Quando se pensa em uma gestão corporativa de alto nível, não há como ignorar que ela só será possível se as tomadas de decisão forem suportadas por informações de qualidade. E entre todas as tecnologias disponíveis e recomendadas, são as ferramentas de BI as que mais se destacam.

No entanto, aplicá-las, por si só, não é o suficiente para obter as suas vantagens — é preciso saber usá-las e, mais importante, evitar os equívocos. Do contrário, além de não alcançar os resultados que espera, há a possibilidade de você piorá-los ainda mais.

Pensando nisso, preparamos este artigo para apresentar os 4 erros em Business Intelligence que você não pode cometer! Não perca a leitura:

1. Falta de planejamento na implantação

Engana-se quem pensa que a implantação de uma ferramenta de BI se resume apenas à compra e à instalação do software. É necessário planejar e levar em consideração quais são os objetivos da organização.

Além disso, deve-se avaliar também a forma com que esse tipo de solução pode contribuir para a consecução dos resultados. E é justamente a falta de planejamento um dos principais erros em Business Intelligence.

Por essa razão, a dica é simples: procure por uma consultoria especializada, que lhe ajude a planejar e acompanhar a implantação desse instrumento.

2. Não ter bons repositórios de dados

Outro equívoco que merece ser destacado corresponde ao repositório de dados. Nesse sentido, estamos nos referindo à qualidade das informações em que se têm em mãos.

Elas precisam ser confiáveis e atualizadas e, preferencialmente, estar integradas (ou integráveis), sem serem redundantes. Lembre-se: negligenciar a confiabilidade dos dados pode ser uma falha fatal.

3. Falta de integração entre ferramentas

Diante da união de tecnologias que possibilitam o BI a coletar, processar e analisar os dados de uma companhia, é de fundamental importância que haja uma integração entre as ferramentas de negócio.

A questão a salientar, aqui, é que as informações obtidas virão de uma série de diferentes fontes, como clientes, fornecedores e o mercado como um todo. E, normalmente, elas serão coletadas a partir de softwares de ERPCRM, automação de marketing, gestão de projetos, WMS e outros tantos.

Porém, se elas não estiverem integradas, as chances de confrontação de dados são significativas. Portanto, para se esquivar dos problemas relativos aos desencontros de informação, tenha a certeza de que as suas ferramentas estejam operando em conjunto.

4. Ausência de um profissional capacitado

Não ter um profissional capacitado também está entre os erros em Business Intelligence que você deve evitar. Tenha em mente que colocar “qualquer um” para desempenhar essa solução dificilmente trará o sucesso da sua iniciativa.

Sendo assim, contrate um profissional qualificado ou promova o treinamento de alguém da sua equipe! E, repetindo o que já falamos neste artigo: procure o apoio de uma consultoria com expertise em BI.

Para concluir, não poderíamos deixar de ressaltar que, se você deseja garantir o crescimento da sua empresa e destacá-la perante a concorrência, a aplicação do Business Intelligence é uma obrigação.

Enfim, o que achou deste artigo sobre os erros em Business Intelligence? Gostou? Sobrou alguma dúvida? Deixe o seu comentário aqui para a gente!

Leandro Guimarães
Leandro Guimarães é o fundador da Know Solutions e trabalha com Business Intelligence desde 2009. Possui amplo conhecimento em Modelagem Dimensional, Data Warehouse e na plataforma Pentaho.

Foi aluno de Ralph Kimball, maior referência mundial no assunto, no curso de Modelagem Dimensional realizado pela Kimball University, em Estocolmo – Suécia.

Já ministrou diversas palestras sobre o tema e atualmente mantêm o blog da Know Solutions, com referências sobre Business Intelligence.

Pós Graduado em Gestão de Projetos de Software pela PUC – Paraná. Trabalhou durante 7 anos na empresa Siemens onde participou de projetos em diferentes países.