O CRM (Customer Relationship Management) funciona como uma estratégia de negócio voltada à compreensão e antecipação da empresa diante das necessidades dos clientes e potenciais compradores.

Por meio de um conjunto de processos e tecnologias, torna-se possível promover um melhor relacionamento com clientes, fornecedores, parceiros e organizações por meio de iniciativas de marketing otimizadas.

Em suma, o modelo utiliza variadas informações, como: a localização do melhor público, aniversários, idade, sexo, etc. Com isso, é possível gerar uma infinidade de relatórios com informações valiosas para a melhor tomada de decisão.

Acompanhe os tópicos seguintes e saiba como utilizar o CRM de forma correta!

Qual a importância do CRM?

Conforme foi possível perceber, o CRM se vale de uma abordagem com foco nos compradores. Um modelo que se fundamenta na relevância do negócio manter, monitorar e gerenciar a relação com o cliente.

É uma grande vantagem a empresa poder contar com uma ferramenta que opera tornando a gestão do relacionamento com o cliente mais ampla e centralizada.

Como utilizar o CRM de modo otimizado?

Para que se possa ter êxito na aplicação do CRM, deve existir um bom planejamento que, sobretudo, leve em consideração as características específicas da organização. Além disso, atentar-se para essas outras recomendações favorece o alcance do sucesso desejado:

Defina as demandas do relacionamento

Ainda que o CRM ofereça, de maneira geral, o acompanhamento das interações com o cliente, isso não ocorre de modo homogêneo entre todas as ferramentas disponibilizadas no mercado.

Algumas soluções oferecem um monitoramento mais detalhado antes mesmo da conversão, enquanto outras se concentram no pós-venda. Ou seja, dependendo do negócio, um software é mais relevante do que o outro, e o gestor deve estar muito atento a isso. Por essa razão, é imprescindível começar entendendo quais são as necessidades e quais funcionalidades que, de fato, são benéficas para o negócio.

Invista em treinamento

Quanto mais conhecimento existir sobre o funcionamento do CRM, mais coerentes serão as decisões tomadas com base nas informações fornecidas pelo sistema.

Também é essencial garantir que todos os colaboradores pertinentes tenham acesso à plataforma (vendas, atendimento, etc), evitando a centralização desnecessária de pessoal.

Segmente a base de clientes

Para que o CRM possa se mostrar mais efetivo para o negócio, é importante saber organizar a base de clientes. Por meio das informações geradas pela plataforma, a base de clientes deve ser dividida em grupos menores, de acordo com cada perfil de compra.

Quando se faz essa segmentação, torna-se mais fácil promover campanhas de marketing, criar promoções específicas, programas de fidelidade e demais iniciativas para potencializar a satisfação de cada grupo.

Automatize etapas

Como não poderia deixar de ser, um software possibilita a automatização de diversas etapas, ou seja, é possível desenvolver rotinas que acionam tarefas e ações baseadas na interação do cliente.

Por exemplo, um CRM atrelado a uma ferramenta de e-mail marketing pode fazer com que um cliente receba um e-mail oferecendo um desconto após a sua compra, ou propostas de produtos relacionados a sua compra anterior.

Agora que você já sabe como utilizar o CRM de forma correta, que tal investir na fidelização de clientes por meio do BI?

Leandro Guimarães
Leandro Guimarães é o fundador da Know Solutions e trabalha com Business Intelligence desde 2009. Possui amplo conhecimento em Modelagem Dimensional, Data Warehouse e na plataforma Pentaho.

Foi aluno de Ralph Kimball, maior referência mundial no assunto, no curso de Modelagem Dimensional realizado pela Kimball University, em Estocolmo – Suécia.

Já ministrou diversas palestras sobre o tema e atualmente mantêm o blog da Know Solutions, com referências sobre Business Intelligence.

Pós Graduado em Gestão de Projetos de Software pela PUC – Paraná. Trabalhou durante 7 anos na empresa Siemens onde participou de projetos em diferentes países.