Para que uma companhia tenha forte presença digital, é importante, por exemplo, contar com um bom site e um sistema gerencial robusto. É nesse cenário que dúvidas podem aparecer, como qual empresa contratar ou se é melhor investir em uma equipe interna.

O custo-benefício é um fator chave nessa escolha. Em outras palavras, o ideal é que a companhia obtenha ganhos elevados de receita e produtividade gastando o mínimo possível.

Continue a leitura do nosso post e entenda melhor o que deve ser considerado na hora de contratar uma empresa de desenvolvimento de sistemas!

Qual a necessidade de uma empresa de desenvolvimento de sistemas?

Na hora de colocar os custos na ponta do lápis, será bem mais barato contratar uma empresa de desenvolvimento do que recrutar uma equipe interna. Isso porque o tempo de capacitação dos colaboradores internos pode ser proibitivo para os objetivos do negócio.

Em contrapartida, a terceirização dá a certeza de que a equipe dessa companhia já estará devidamente capacitada para lidar com as demandas tecnológicas da companhia. Além disso, os custos passam a ser menores, uma vez que o salário desses colaboradores externos ficará a cargo da empresa contratada.

O que considerar na hora de escolher uma empresa de desenvolvimento de sistemas?

O mercado de desenvolvimento de sistemas está bastante aquecido. Isso não quer dizer, no entanto, que todas as empresas são idôneas e atenderão piamente às necessidades do seu negócio. Nesse sentido, é preciso tomar alguns cuidados, que você pode conferir a seguir.

Recomendações

Quando a empresa de desenvolvimento de sistemas é boa e experiente, certamente, ela terá boas recomendações. Por isso, é importante consultar outras pessoas que atuam no setor, bem como visitar fóruns na internet — onde é possível encontrar avaliações sobre os serviços prestados.

Contrato

O contrato deve ser minuciosamente analisado antes de assinado. Afinal, é por meio desse documento que todas as cláusulas do serviço serão acordadas, bem como os prazos e valores. É preciso ter atenção redobrada para evitar dores de cabeça no decorrer do desenvolvimento do sistema ou após a sua produção.

Quem vai trabalhar no projeto

A princípio, uma empresa desenvolvedora de sistemas conta com profissionais capacitados. Entretanto, é sempre importante fazer uma segunda checagem nas habilidades desses colaboradores. Isso porque a Tecnologia da Informação é uma área em constante mudança.

Um diploma de ensino superior, muitas vezes, não significa muito se o colaborador estiver desatualizado quanto às novas tendências do setor, por exemplo.

Qual a importância de contratar uma empresa de desenvolvimento de sistemas?

Ainda que a empresa de desenvolvimento seja experiente e tenha profissionais capacitados, é imprescindível que ela esteja alinhada aos objetivos da sua própria organização. No momento da primeira conversa, se ela absorver bem a regra de negócio, maiores serão as chances de um projeto atender bem às demandas que foram apresentadas, gerando, portanto, uma relação de confiança com a contratante.

Uma empresa de desenvolvimento de sistemas é fundamental para a sustentabilidade das operações. Com ela, é possível não só reduzir custos com mão de obra, como também o tempo de capacitação dos profissionais. Se você está a procura de uma empresa com credibilidade no mercado, nós, da Know Solutions, temos soluções que podem auxiliar o seu negócio a ser mais produtivo e eficiente!

Aproveite a visita em nosso blog para conhecer a nossa solução voltada para o desenvolvimento de sistemas!

Leandro Guimarães
Leandro Guimarães é o fundador da Know Solutions e trabalha com Business Intelligence desde 2009. Possui amplo conhecimento em Modelagem Dimensional, Data Warehouse e na plataforma Pentaho.

Foi aluno de Ralph Kimball, maior referência mundial no assunto, no curso de Modelagem Dimensional realizado pela Kimball University, em Estocolmo – Suécia.

Já ministrou diversas palestras sobre o tema e atualmente mantêm o blog da Know Solutions, com referências sobre Business Intelligence.

Pós Graduado em Gestão de Projetos de Software pela PUC – Paraná. Trabalhou durante 7 anos na empresa Siemens onde participou de projetos em diferentes países.